Vereadora Lourdinha concedeu título de cidadão coroataense para o Padre Antônio

Últimas Notícias

Através de resolução a vereadora Lourdinha concedeu o título de cidadão coroataense para o padre Euclides Antônio, mais conhecido como padre Antônio. O padre Antônio nasceu em São Luís no dia 02/03/1961, em 1997 ingressou no mosteiro da Divina Providencia em São Luís, MA onde fez sua formação monástica, fez os primeiros votos em 1999, no ano de 2000 chegou em Coroatá.

Fez seus votos perpétuos e a consagração monacal na Catedral Nossa Senhora da Piedade com reverendo prior Miguel de Maria Milanês, conhecido como padre Miguel, em missa presidida pelo saudoso Dom Reinaldo Pünder.

Em 2003 no primeiro mandato foi nomeado ecônomo interino da diocese de Coroatá e posteriormente no mesmo ano titular dessa fundação.

Cursou licenciatura em filosofia na Faculdade Evangélica do Meio Norte, fez o curso de bacharel em teologia no Instituto de Ensino Superior do Maranhão.

Suas funções diocesanas – janeiro de 2015 – ordenação diaconal, julho de 2015 – ordenação presbiteral, 2015 – nomeado vigário da Paroquia Nossa Senhora da Piedade, 2016 – segundo mandato nomeado ecônomo diocese de Coroatá, 2016 – nomeado diretor espiritual do Colégio Diocesano de Coroatá, 2016 – nomeado subprior do Mosteiro do Bom Pastor, 2021 – nomeado chanceler da diocese de Coroatá e em 2022 nomeado membro da Câmara Eclesiástica da Diocese de Coroatá.

“Muitos nos honra ter uma pessoa, um ser humano como o padre Antônio”. Vereadora Lourdinha.

O título concedido pela vereadora Lourinha é uma forma de reconhecer os 22 anos dos trabalhos realizados pelo Padre Antônio em Coroatá.

O título de cidadão foi aprovado por unanimidade.